A densidade de Psicólogos é maior nas regiões de Lisboa e Vale do Tejo e do Norte, o que revela uma assimetria na distribuição dos recursos humanos de Psicologia no SNS. No entanto, e considerando aquelas que são as recomendações internacionais (que aconselham um rácio conservador de 1 Psicólogo para cada 5.000 pessoas) existe um défice de Psicólogos em todas as regiões do país. Sendo que são precisamente as regiões de Lisboa e Vale do Tejo e do Norte aquelas em que faltam mais psicólogos (404 e 664 respectivamente).

Referências