O número de psicólogos inactivos contempla o número de desempregados inscrito no IEFP (3860) e com cédulas suspensas (535), situa-se nos 4395.

Referências